Os 15 Erros Mais Comuns Nas Ações de SEO

Últimos meses eu tenho focado bastante na aprendizagem de SEO. Portanto notei que há muitos erros que as pessoas comentem mesmo sem saber ou porque estão negligenciando.

Se você é novo no mundo de SEO, ou um veterano experiente, que pensa que não comete erros. Saiba que somos todos capazes de cometer erros de vez em quando.

Pra muitos, esses erros não irão comprometer os seus trabalhos de SEO. Alguns até preferem correr o risco de sofrer uma penalização manual, os erros que você acumula são restrições que ao longo tempo pode prejudicar o crescimento dos seus projetos. Portanto, deve ser do seu maior interesse encontrar e corrigir esses erros o mais rápido possível. Vamos a isso.

Os 15 erros mais comuns nas ações de SEO

O que você vai aprender aqui:

Erro#1: Não usar texto âncora nos links internos

Erro#2: Usar o mesmo texto âncora para cada link diferente

Erro#3: Focar na quantidade e não na qualidade dos links

Erro#4: Não publicar conteúdo com frequência

Erro#5: Ignorar o poder das mídias sociais

Erro#6: Negligenciar a pesquisa de palavras chave

Erro#7: Não mensurar ou analisar seus resultados.

Erro#8: Negligenciar experiência do usuário.

Erro#9: Escrever artigos focados em motores de busca.

Erro#10: Não testar a velocidade de carregamento das páginas

Erro#11: Black Hat SEO

Erro#12: Não usar plugin WordPress SEO

Erro#13: Fazer Link building spam

Erro#14:Fazer super otimização

Erro#15: Se esquecer de otimizar as imagens

Vamos aos erros mais comuns em SEO

Vamos ver detalhadamente cada um desses erros. Vamos começar.

Erro#1: Não usar texto âncora nos links internos

O nosso primeiro erro é não colocar texto âncora nos links internos. Creio que você coloca os seus textos âncora com os seguintes termos “clique aqui”, “acesse já” e mais outros textos genéricos.

Saiba que fazer isso em SEO é um desperdício. Eu sei que é uma chamada para ação que pode vir a converter muito bem e aumentar os cliques, mas você perde a oportunidade de rankear melhor no Google, porque segundo a search metrics palavra chave no link interno tem uma importância positiva, ou seja, colocar um texto âncora com a tua palavra chave nos links internos vão ajudar bastante em termos de SEO on-page.

Por exemplo, se você escrever um artigo e queira linkar para uma página com seguinte termo “roupas de marca”. Você deve criar uma chamada sem deixar de usar a tua keyword, tente incluir pelo menos algumas palavras chaves relevante no link. Exemplo: “Clique aqui para conhecer roupas de marca”.

Erro#2: Usar o mesmo texto âncora para cada link diferente

Fazer otimização do texto âncora é importante, mas não use o mesmo texto âncora em todas as páginas. Isso até pode parecer meio engraçado para os visitantes, mas para o mecanismo de pesquisa isso pode ser bastante prejudicial, porque parece que você está tentar burla-lo (o mecanismo de busca). Portanto varie o teu texto âncora.

Use variações no texto âncora: nome da empresa, url exata com e sem o www para tornar as coisas mais naturais para os visitantes e motores de pesquisa.

Erro#3: Focar na quantidade e não na qualidade dos links

Sêneca já sabia isso e usava a frase para falar sobre amigos, mas, nós vamos usa-la para falar sobre obtenção de links.

Tendo em conta que existem várias maneiras fáceis de obter links, você deve se preocupar em receber links de qualidade apontando para o teu blog e não quantidade.

Um link de um blog popular com autoridade pode fazer mais por seus mecanismos de busca do que centenas ou mesmo milhares de links de diretório de baixa qualidade. Eu sei que são mais difíceis de se conseguir ( Eu estou atrás deles ), mas que é também por isso que os motores de busca dão tanta confiança neles.

Então, você precisa se concentrar em obter links que:

São relevantes para o seu blog/site.

Não tem uma quantidade elevada de links de saída.

Não contêm links para sites +18-adultos e jogos de azar.

Erro#4: Não publicar conteúdo com frequência

Tem Gurus de SEO que dizem que os robôs do Google se alimentam de conteúdos frescos. Não atualizar o conteúdo faz o seu site datada e você perde oportunidade de aumentar rankings e aumentar os visitantes do blog.

Erro#5: Ignorar o poder das mídias sociais

Porque você “não entende” ou “não gosta” não deve ser o motivo de você deixar de usar as mídias sócias porque elas fazem parte de SEO.

As mídias sociais podem ser uma grande fonte de tráfego hoje em dia.

Então, se você não usava as mídias sócias para divulgar o seu trabalho ou mais, quero aqui exorta-lo que comece já a usar o poder das mídias sociais.

Erro#6: Negligenciar a pesquisa de palavras chave

Pensa comigo: você acha que sabe como as pessoas pensam? Você sabe como você pensa e como você iria procurar por certa palavra, mas, devemos ter em consideração que as pessoas são de diferentes níveis de pesquisa, outros são iniciantes, intermédio e avançado. Você sabe como esse tipo de pessoa buscaria no Google por uma determinada palavra? Provavelmente não. Sendo assim, você deve tomar algum tempo na pesquisa de palavras chave.

  • A pesquisa de palavras-chave é à base do seu projeto online e não deve ser ignorado.

Erro#7: Não mensurar ou analisar seus resultados

Eu acho que esse seja o pior erro de todos. A única maneira de saber se você está tendo resultados com estratégias de SEO, e a única forma de aprender e melhorar a sua orientação estratégica é medir e analisar seus resultados.

Mantenha o controle sobre o desenvolvimento dos seus projetos, e sempre ir para frente em um novo terreno, mas não se esqueça de evitar estes erros de novatos.

Erro#8: Experiência do usuário

SEO não é apenas sobre publicação de um bom conteúdo e construção de links. Também é importante garantir que os usuários tenham uma boa experiência ao visitar seu blog/site.

Existem vários fatores que poderiam ser qualificados como “fatores de experiência”, incluindo a velocidade do site, a segurança do site, e mais. Portanto não deixe que esses fatores passem despercebidos.

Erro#9: Escrever artigos focados em motores de busca

É bom saber o que motores de busca procuram em seu conteúdo e na estrutura do blog, por isso, é importante incluir palavras-chave no título. O seu fraseado dá pistas contextuais para o significado geral e relevância do conteúdo. Entretanto, escrever apenas para os motores de busca é uma péssima ideia.

Erro#10: Não testar a velocidade de carregamento das páginas

Uma pesquisa descobriu que 47% das pessoas que acessam o seu blog esperam que ele carregue em menos de 2 segundinhos.

Lembre-se que a taxa de rejeição para Google é como um sinal de que os leitores não gostaram de seu conteúdo. É surpreendente como muitos blogueiros ignoram a velocidade com que o seu site e páginas do blog carrega. No mundo agitado de hoje, até mesmo o menor atraso pode causar um leitor ocupado tornar-se impaciente.

A razão pela qual este erro em particular e tão caro é porque todo o seu trabalho duro e dedicação que você teve na hora de escrever seu conteúdo, esse esforço todo será em vão porque o artigo não será lido. Prestando atenção ao tempo de carregamento de seu site ou blog, especialmente a primeira página ajudará a reduzir a taxa de bounce.

Erro#11: Black Hat SEO

Pense comigo, por qual razão alguém iria sequer pensar em usar menos do que as estratégias para aumentar a sua classificação nos motores de busca, no entanto, há muitos blogueiros que fazem tudo certo e ainda cometem o erro na hora de fazer SEO.

Concentrar seus esforços em tentar seguir os fatores de rankeamento e tentar evitar erros simples. Você será recompensado pelo Google com uma excelente classificação que é bem merecido. Quem faz Black Hat não condeno, pois cada um faz o seu trabalho da forma que achar melhor.

Erro#12: Não usar plugin WordPress SEO

Há uma grande variedade de plugins WordPress que irá ajudá-lo a otimizar o seu conteúdo e é realmente essencial que você use um.

Você poderia usar Scribe, WordPress SEO, All in One SEO ou uma série de outros plugins, mas você deve ter pelo menos um instalado. Lembrando isso não é obrigação, mas pode ajudar em muitas situações.

O que uso atualmente é WordPress SEO by Yoast.

Quando você escreve o seu conteúdo este plugin faz uma análise do seu conteúdo para ver se ele está otimizado corretamente. Será, então, dizer-lhe as áreas que você precisa para resolver.

WordPress SEO permite que você defina a palavra-chave em foco que você deseja classificar e dá algumas dicas sobre como melhorar o conteúdo para o ranking nesta palavra-chave

Erro#13: Fazer Link building spam

Google tem evoluído com Penguin, Panda, Hummingbird e outras atualizações.

Google pode detectar quando o link building não é natural, feito isso, ele pode penalizar o teu site e te jogar lá na posição 400.

Alguns erros a serem evitados na hora de link building.

Usar software para gerar links automatizados;

links em diretórios fracos;

Comunicados de imprensa com o texto âncora;

Se você conhece outras técnicas a se evitar esteja à vontade e deixe nos comentário.

Erro#14: Fazer super otimização

Eu sempre disse que você deve estar usando a palavra-chave menos de 1% a 3% do tempo em seu blog. Infelizmente eu normalmente vejo pessoas usando suas palavras-chave 5% ou mais em seus artigos.

  • Esta é uma grande bandeira vermelha para o Google.

Mesmo se você estiver usando apenas a palavra-chave menos de 1% do tempo em seu artigo, se você combinar isso com a URL, título do artigo e páginas da categoria você estaria otimizando de forma correta.

Em poucas palavras, para evitar o excesso de otimização, pare de usar as palavras-chave não naturais!

Erro#15: Se esquecer de otimizar as imagens

Muitas vezes, as imagens não são propriamente título e subtítulo, e essa forma de negligência é simplesmente uma má notícia para SEO, pois evita que as imagens apareçam em imagens pesquisas de motores de busca de acordo com as palavras corretas ou termos de busca.

As imagens são clicáveis e eles podem direcionar tráfego para o seu blog você está diminuindo o potencial de SEO frutífera simplesmente por esquecer-se destes passos simples.

Conclusão

Você acabou de ver minha listinha contendo 15 erros que são negligenciados pelos blogueiros, espero que você tenha aprendido e comece hoje a evitar esses potenciais erros nos seus projetos.

Ainda existem muitos erros que as pessoas comentem em SEO. Se você conhece mais alguns pode deixar nos comentários.

Os 15 Erros Mais Comuns Nas Ações de SEO
5 (100%) 10 votes

300x250

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *